sábado, 28 de junho de 2014

Evangelho do Dia - 28/06/2014

Ano A - DIA 28/06


Um Coração que realmente amassim conosco? - Lc 2,41-51

Todos os anos, os pais de Jesus iam a Jerusalém para a festa da Páscoa.Quando ele completou doze anos,subiram para a festa, como de costume.Passados os dias da Páscoa, começaram a viagem de volta, mas o menino Jesus ficou em Jerusalém,sem que seus pais o notassem.Pensando que ele estivesse na caravana,caminharam um dia inteiro.Depois começaram a procurá-lo entre os parentes e conhecidos.
Não o tendo encontrado,voltaram para Jerusalém à sua procura.Três dias depois, o encontraram no Templo.Estava sentado no meio dos mestres,escutando e fazendo perguntas.Todos os que ouviam o menino estavam maravilhados com sua inteligência e suas respostas.Ao vê-lo, seus pais ficaram muito admirados e sua mãe lhe disse:"Meu filho, por que agiste assim conosco? Olha que teu pai e eu estávamos, angustiados,à tua procura". Jesus respondeu:Por que me procuráveis? Não sabeis que devo estar na casa de meu Pai?" Eles, porém, não compreenderam as palavras que lhes dissera.Jesus desceu então com seus pais para Nazaré,e era-lhes obediente.Sua mãe, porém,conservava no coração todas estas coisas.


Leitura Orante

Oração Inicial


Creio, meu Deus, que estou diante de ti.
Que me vês e escutas as minhas orações.
Tu és tão grande e tão santo: eu te adoro.
Tu me deste tudo: eu te agradeço.
Foste tão ofendido por mim:
eu te peço perdão de todo o coração.
Tu és tão misericordioso:
eu te peço todas as graças
que sabes serem necessárias para mim.

1- Leitura (Verdade)


O que a Palavra diz?
Fixo o meu olhar em Deus, através da Palavra.
Faço, na Bíblia, a leitura lenta e atenta do texto do dia: Lc 2,41-51.
Em um momento de silêncio interior, recordo o que li.Este texto nos faz lembrar o que diz a Igreja sobre Maria no capítulo oitavo da Constituição Lumen Gentium:
“Esta união da Mãe com o Filho, na obra da redenção, manifesta-se desde o momento em que Jesus Cristo é concebido virginalmente, até à sua morte. Primeiramente, quando Maria se dirigiu pressurosa a visitar Isabel, e esta a proclamou bem-aventurada, por ter acreditado na salvação prometida, estremecendo de alegria, a divina criança, o precursor, no seio de sua mãe (cf. Lc 1,41-45); e depois, no nascimento, quando a Mãe de Deus, cheia de alegria, mostrou aos pastores e aos magos o seu Filho primogênito, que não diminuiu, muito pelo contrário, consagrou a sua integridade virginal. (10) E também quando, ao apresentá-lo no templo ao Senhor, ofereceu o resgate dos pobres e ouviu Simeão profetizar que esse Filho havia de ser sinal de contradição e que uma espada atravessaria a alma da Mãe, para que se revelassem os pensamentos de muitos corações (cf. Lc 2, 34-35). O Menino Jesus perdido e com tanta dor procurado, encontraram-no Maria e José no templo, ocupado nas coisas de seu Pai; não entenderam a resposta que lhes deu; a Mãe, porém, guardava no seu coração e meditava sobre todas estas coisas (cf. Lc 2, 41-51). (Lumen Gentium, cap. 8, 57).
Assim entendemos que Maria é um excelente caminho para encontrar Jesus. O coração físico de Maria é símbolo de seu amor. O Coração Imaculado de Maria é a expressão de todos os seus sentimentos, afetos, e, sobretudo, de seu amor a Deus, a seu Filho e a todas as pessoas que lhe foram confiadas por Jesus agonizante, na cruz.

2- Meditação (Caminho)


O que a Palavra diz para mim? Cultivo a devoção mariana? Como me relaciono com Maria? Como filho/a?
Maria tem lugar na minha casa, os meus relacionamentos, no meu trabalho? Ela me orienta a “fazer tudo que Jesus disser”? 
Em Aparecida, na V Conferência, os bispos disseram: " A máxima realização da existência cristã como um viver trinitário de “filhos no Filho” nos é dada na Virgem Maria que, através de sua fé (cf. Lc 1,450 e obediência à vontade de Deus (cf. Lc 1,38), assim como por sua constante meditação da Palavra e das ações de Jesus (cf. Lc 2,19.51), é a discípula mais perfeita do Senhor157. Interlocutora do Pai em seu projeto de enviar seu verbo ao mundo para a salvação humana, com sua fé, Maria chega a ser o primeiro membro da comunidade dos crentes em Cristo, e também se faz colaboradora no renascimento espiritual dos discípulos. Sua figura de mulher livre e forte, emerge do Evangelho conscientemente orientada para o verdadeiro seguimento de Cristo. Ela viveu completamente toda a peregrinação da fé como mãe de Cristo e depois dos discípulos, sem que fosse livrada da incompreensão e da busca constante do projeto do Pai. Alcançou, dessa forma, o fato de estar ao pé da cruz em uma comunhão profunda, para entrar plenamente no mistério da Aliança." (DAp 266).

3- Oração (Vida)


Hoje rezo com Maria,
agradecendo as maravilhas de Deus.
Canto de Maria do povo
Padre Zezinho, Scj
Minh’alma dá glórias ao Senhor
Meu coração bate alegre e feliz
Olhou para mim com tanto amor
Que me escolheu, me elegeu e me quis.
E de hoje em diante eu já posso prever,
Todos os povos vão me bendizer
O Poderoso lembrou-se de mim,
Santo é seu nome sem fim

O povo dá glórias ao Senhor,
seu coração bate alegre e feliz
Maria carrega o Salvador porque Deus faz,
sempre cumpre o que diz
E quando os povos aceitam lei
passa de pai para filho seu dom

Das gerações Ele é mais do que rei, 

ele é Deus Pai, ele é bom
Minh’alma dá glórias ao Senhor
Meu coração bate alegre e feliz
Olhou para mim com tanto amor
Que me escolheu, me elegeu e me quis.
O orgulhoso Ele sabe dobrar,
o poderoso Ele sabe enfrentar 

O pobrezinho Ele defenderá, não nos abandonará
O povo dá glórias ao Senhor, seu coração bate alegre e feliz
Maria carrega o Salvador porque Deus faz,
sempre cumpre o que diz
Quem tem demais qualquer dia vai ver
o que é ter fome e não ter pra comer
Quem passa fome comida terá, eis que a justiça virá
Minh’alma dá glórias ao Senhor
Meu coração bate alegre e feliz
Meu povo já sente o seu amor,
Ele promete, Ele cumpre o que diz
Aos nossos pais Ele um dia jurou
Ele é fiel e jamais enganou,
estamos perto da era do amor
Bendito seja o Senhor.
CD 14 Cantigas marianas, Pe. Zezinho, scj - COMEP

4- Contemplação (Vida e Missão)


Qual o novo olhar que a Palavra despertou em mim?
Passarei o dia a olhar como Maria, um olhar que busca o Senhor e o procura até o encontrar.

Bênção


- Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
- Ele nos mostre a sua face e se compadeça de nós. Amém.
- Volte para nós o seu olhar e nos dê a sua paz. Amém.
- Abençoe-nos Deus misericordioso, Pai e Filho e Espírito Santo. Amém.


Ir. Patrícia Silva, fsp
patricia.silva@paulinas.com.br