sábado, 31 de dezembro de 2016

LITURGIA DIÁRIA - 31/12/2016


Sábado: 31/12/2016
Primeira Leitura: 1Jo 2,18-21


7º DIA NA OITAVA DE NATAL
(Branco - oficio do dia)

Leitura da Primeira Carta de São João.

18Filhinhos, esta é a última hora. Ouvistes dizer que o Anticristo virá. Com efeito, muitos anticristos já apareceram. Por isso, sabemos que chegou a última hora. 19Eles saíram do nosso meio, mas não eram dos nossos, pois se fossem realmente dos nossos, teriam permanecido conosco.

Mas era necessário ficar claro que nem todos são dos nossos. 20Vós já recebestes a unção do Santo, e todos tendes conhecimento. 21Se eu vos escrevi, não é porque ignorais a verdade, mas porque a conheceis, e porque nenhuma mentira provém da verdade.

- Palavra do Senhor.
- Graças a Deus.


Responsório (Sl 95)

— O céu se rejubile e exulte a terra!
— O céu se rejubile e exulte a terra!

— Cantai ao Senhor Deus um canto novo, cantai ao Senhor Deus, ó terra inteira! Cantai e bendizei seu santo nome! Dia após dia anunciai sua salvação.

— O céu se rejubile e exulte a terra, aplauda o mar com o que vive em suas águas; os campos com seus frutos rejubilem e exultem as florestas e as matas.

— Na presença do Senhor, pois ele vem, porque vem para julgar a terra inteira. Governará o mundo todo com justiça, e os povos julgará com lealdade.


Evangelho (Jo 1,1-18)

— O Senhor esteja conosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo João.
— Glória a vós, Senhor.

1No princípio era a Palavra, e a Palavra estava com Deus; e a Palavra era Deus. 2No princípio, estava ela com Deus. 3Tudo foi feito por ela e sem ela nada se fez de tudo que foi feito. 4Nela estava a vida, e a vida era a luz dos homens. 5E a luz brilha nas trevas, e as trevas não conseguiram dominá-la.

6Surgiu um homem enviado por Deus; seu nome era João. 7Ele veio como testemunha, para dar testemunho da luz, para que todos chegassem à fé por meio dele. 8Ele não era a luz, mas veio para dar testemunho da luz: 9daquele que era a luz de verdade, que, vindo ao mundo, ilumina todo ser humano.

10A Palavra estava no mundo – e o mundo foi feito por meio dela – mas o mundo não quis conhecê-la. 11Veio para o que era seu, e os seus não a acolheram. 12Mas, a todos os que a receberam, deu-lhes capacidade de se tornar filhos de Deus, isto é, aos que acreditam em seu nome, 13pois estes não nasceram do sangue, nem da vontade da carne, nem da vontade do varão, mas de Deus mesmo.

14E a Palavra se fez carne e habitou entre nós. E nós contemplamos a sua glória, glória que recebe do Pai como Filho unigênito, cheio de graça e de verdade. 15Dele, João dá testemunho, clamando: “Este é aquele de quem eu disse: O que vem depois de mim passou à minha frente, porque ele existia antes de mim”. 16De sua plenitude todos nós recebemos graça por graça. 17Pois por meio de Moisés foi dada a Lei, mas a graça e a verdade nos chegaram através de Jesus Cristo. 18A Deus, ninguém jamais viu. Mas o Unigênito de Deus, que está na intimidade do Pai, ele no-lo deu a conhecer.

— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor.

sexta-feira, 30 de dezembro de 2016

PROGRAMAÇÃO DA FESTA DE SÃO SEBASTIÃO DO CONJ. RECREIO 2017


DIOCESE DE CAICÓ
PARÓQUIA DE NOSSA SENHORA DE FÁTIMA
Festa de São Sebastião 2017
CONVITE
Neste ano em que a Igreja celebra o Ano Mariano a Comunidade do Conjunto Recreio tem a alegria de convidar todos os Caicoenses e visitantes para participarem da Festa de seu Padroeiro, “São Sebastião", que será realizada de 26 a 29 de Janeiro de 2017.

Tema: “Dogmas Marianos”
Lema: Aumente em nós a devoção e a alegria de “Fazer tudo o que Ele vos disser” (Jo. 2,5)

PROGRAMAÇÃO RELIGIOSA

DE 02 A 25/01- Encontros Missionários em Preparação para a Festa nas Residências.

TRÍDUO SOLENE

DIA 26/01 - QUINTA-FEIRA
18:30h -  Procissão de Abertura saindo da Rua Clovis Aladim, nº 31 ao lado do Trailer de Josinaldo em direção à Capela de São Sebastião.
19h – Hasteamento da Bandeira seguido de Missa/Novena e Confissão Comunitária
NOITÁRIOS: Vicentinos, Terço dos Homens, Associações e Pastorais
TEMA: Maternidade Divina (Lc 1, 26-32) Referência: Dogmas Marianos 4ª ED, Pág.13-20
CELEBRANTE: Pe. Ivanoff da Costa Pereira

Dia 27/01– SEXTA-FEIRA
19h – 2ª Novena e Bênção do Santíssimo Sacramento
Noitários: Educação, Saúde e Mototaxistas
Tema: Virgindade perpétua de Maria (Mt 1, 18-25) Referência: Dogmas Marianos 4ª ED, Pág.21-31
Celebrante: Diác. Manoel Cassiano Figueirêdo Rocha

DIA 28/01 – SÁBADO
19h – 3ª Novena e Bênção do Santíssimo Sacramento
Noitários: Comercio, Comerciários e Devotos de São Sebastião
Tema: Imaculada Conceição (Lc 1, 34-38) Referência: Dogmas Marianos 4ª ED, Pág.33-41
Celebrante: Diác. Clésio Ricardo de Brito

DIA 29/01 – DOMINGO
08h – Missa Solene seguida de procissão de encerramento, descida da bandeira e palavras de agradecimentos.
Celebrante: D. Antônio Carlos Cruz Santos – MSC (Bispo Diocesano)
10h - Batizados
PARTE SOCIAL

Dia 26/01 – QUINTA-FEIRA
20h30min – Festa dos Doces e Salgados
Responsável: Vicentinos

Dia 27/01 – SEXTA-FEIRA
20h30min – Leilão da Festa
Responsável: Comissão Organizadora
22h – Festa da Juventude
Responsável: Ricardo

Dia 28/01 – SÁBADO
20h30min – Jantar de Confraternização & Música ao Vivo
Responsável: Coral e Comissão Organizadora

Dia 29/01 – DOMINGO
Cavalgada de São Sebastião
07:30h – Concentração em frente ao IFRN – Bairro Nova Caicó
10h – Saída - Percurso: Bairros Nova Caicó, Salviano Santos, Samanaú, Alto da Boa Vista, Vila do Príncipe e Recreio.
Responsável: Bruno
16h - Feirinha de São Sebastião & Música ao Vivo
Responsável: Ricardo

NOTAS
Teremos Rifa ao preço de R$ 2,00 e sorteio no dia 28/01/17
Premiação: Carneiro, Liquidificador, Conjunto de Toalhas, kit Natura e 02(dois) Brindes Surpresas.
Senhas do Jantar ao preço de R$ 10,00

Diácono Aerinylson Moreira da Nóbrega & Comissão Organizadora
Coordenação da Festa

Pe. Ivanoff da Costa Pereira
Pároco


APOIO:


Org. Manoel Minervino & Michele


Supermercado Economia

Org. Ednaldo & Eliane

LITURGIA DIÁRIA - 30/12/2016


Sexta-feira: 30/12/2016
Primeira Leitura: Eclo 3,3-7.14-17a


SAGRADA FAMÍLIA, JESUS, MARIA E JOSÉ
(Branco - oficio do dia)

Leitura do Livro do Eclesiástico.

3Deus honra o Pai nos filhos e confirma, sobre eles, a autoridade da mãe. 4Quem honra o seu pai, alcança o perdão dos pecados; evita cometê-los e será ouvido na oração cotidiana. 5Quem respeita a sua mãe é como alguém que ajunta tesouros. 6Quem honra o seu pai, terá alegria com seus próprios filhos; e, no dia em que orar, será atendido. 7Quem respeita o seu pai, terá vida longa, e quem obedece ao pai é o consolo da sua mãe. 14Meu filho, ampara o teu pai na velhice e não lhe causes desgosto enquanto ele vive. 15Mesmo que ele esteja perdendo a lucidez, procura ser compreensivo para com ele; não o humilhes, em nenhum dos dias de sua vida: a caridade feita ao teu pai não será esquecida, 16mas servirá para reparar os teus pecados 17ae, na justiça, será para tua edificação.

— Palavra do Senhor.
— Graças a Deus!


Responsório (Sl 127)

— Felizes os que temem o Senhor e trilham seus caminhos!
— Felizes os que temem o Senhor e trilham seus caminhos!

— Feliz és tu, se temes o Senhor e trilhas seus caminhos! Do trabalho de tuas mãos hás de viver, serás feliz, tudo irá bem!

— A tua esposa é uma videira bem fecunda no coração da tua casa; os teus filhos são rebentos de oliveira ao redor de tua mesa.

— Será assim abençoado todo homem/ que teme o Senhor. O Senhor te abençoe de Sião, cada dia de tua vida.


Evangelho (Mt 2,13-15.19-23)

— O Senhor esteja conosco.
— Ele está no meio de nós.
— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Mateus.
— Glória a vós, Senhor.

13Depois que os magos partiram, o Anjo do Senhor apareceu em sonho a José e lhe disse: “Levanta-te, pega o menino e sua mãe e foge para o Egito! Fica lá até que eu te avise! Porque Herodes vai procurar o menino para matá-lo”.

14José levantou-se de noite, pegou o menino e sua mãe, e partiu para o Egito.

15Ali ficou até a morte de Herodes, para se cumprir o que o Senhor havia dito pelo profeta: “Do Egito chamei o meu Filho”.

19Quando Herodes morreu, o anjo do Senhor apareceu em sonho a José, no Egito, 20e lhe disse: “Levanta-te, pega o menino e sua mãe, e volta para a terra de Israel; pois aqueles que procuravam matar o menino já estão mortos”.

21José levantou-se, pegou o menino e sua mãe, e entrou na terra de Israel. 22Mas, quando soube que Arquelau reinava na Judeia, no lugar de seu pai Herodes, teve medo de ir para lá. Por isso, depois de receber um aviso em sonho, José retirou-se para a região da Galileia, 23e foi morar numa cidade chamada Nazaré. Isso aconteceu para se cumprir o que foi dito pelos profetas: “Ele será chamado Nazareno”.

— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor.

quinta-feira, 29 de dezembro de 2016

LITURGIA DIÁRIA - 29/12/2016


Quinta-feira: 29/12/2016
Primeira Leitura: Gn 3,9-15.20


SANTOS INOCENTES, MÁRTIRES
(Branco - oficio do dia)

Leitura do Livro do Gênesis:

Depois que Adão comeu do fruto da árvore, 9o Senhor chamou Adão, dizendo: “Onde estás?” 10E ele respondeu: “Ouvi tua voz no jardim, e fiquei com medo porque estava nu; e me escondi”.

11Disse-lhe o Senhor Deus: “E quem te disse que estavas nu? Então comeste da árvore, de cujo fruto te proibi comer?”

12Adão disse: “A mulher que tu me deste por companheira, foi ela que me deu do fruto da árvore, e eu comi”.

13Disse o Senhor Deus à mulher: “Por que fizeste isso?” E a mulher respondeu: “A serpente enganou-me e eu comi”.

14Então o Senhor Deus disse à serpente: “Porque fizeste isso, serás maldita entre todos os animais domésticos e todos os animais selvagens! Rastejarás sobre o ventre e comerás pó todos os dias de tua vida! 15Porei inimizade entre ti e a mulher, entre a tua descendência e a dela. Esta te ferirá a cabeça e tu lhe ferirás o calcanhar”. 20E Adão chamou à sua mulher “Eva”, porque ela é a mãe de todos os viventes.

- Palavra do Senhor.
- Graças a Deus.


Responsório (Sl 97)

— Cantai ao Senhor Deus um canto novo,/ porque ele fez prodígios!
— Cantai ao Senhor Deus um canto novo,/ porque ele fez prodígios!

— Cantai ao Senhor Deus um canto novo,/ porque ele fez prodígios!/ Sua mão e o seu braço forte e santo/ alcançaram-lhe a vitória.

— O Senhor fez conhecer a salvação,/ e às nações, sua justiça;/ recordou o seu amor sempre fiel/ pela casa de Israel.

— Os confins do universo contemplaram/ a salvação do nosso Deus./ Aclamai o Senhor Deus, ó terra inteira,/ alegrai-vos e exultai!


Segunda Leitura (Ef 1,3-6.11-12)

Leitura da Carta de São Paulo aos Efésios:

3Bendito seja Deus, Pai de nosso Senhor Jesus Cristo. Ele nos abençoou com toda a bênção do seu Espírito em virtude de nossa união com Cristo, no céu.

4Em Cristo, ele nos escolheu, antes da fundação do mundo, para que sejamos santos e irrepreensíveis sob o seu olhar, no amor.

5Ele nos predestinou para sermos seus filhos adotivos por intermédio de Jesus Cristo, conforme a decisão de sua vontade, 6para o louvor da sua glória e da graça com que ele nos cumulou no seu Bem-amado.

11Nele também nós recebemos a nossa parte. Segundo o projeto daquele que conduz tudo conforme a decisão de sua vontade, nós fomos predestinados 12a sermos, para o louvor de sua glória, os que de antemão colocaram sua esperança em Cristo.

- Palavra do Senhor.
- Graças a Deus.


Evangelho (Lc 1,26-38)

— O Senhor esteja conosco.
— Ele está no meio de nós.
— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 26no sexto mês, o anjo Gabriel foi enviado por Deus a uma cidade da Galileia, chamada Nazaré, 27a uma virgem, prometida em casamento a um homem chamado José. Ele era descendente de Davi e o nome da Virgem era Maria.

28O anjo entrou onde ela estava e disse: “Alegra-te, cheia de graça, o Senhor está contigo!”

29Maria ficou perturbada com estas palavras e começou a pensar qual seria o significado da saudação.

30O anjo, então, disse-lhe: “Não tenhas medo, Maria, porque encontraste graça diante de Deus. 31Eis que conceberás e darás à luz um filho, a quem porás o nome de Jesus. 32Ele será grande, será chamado Filho do Altíssimo, e o Senhor Deus lhe dará o trono de seu pai Davi. 33Ele reinará para sempre sobre os descendentes de Jacó, e o seu reino não terá fim”.

34Maria perguntou ao anjo: “Como acontecerá isso, se eu não conheço homem algum?”

35O anjo respondeu: “O Espírito virá sobre ti, e o poder do Altíssimo te cobrirá com sua sombra. Por isso, o menino que vai nascer será chamado Santo, Filho de Deus. 36Também Isabel, tua parenta, concebeu um filho na velhice. Este já é o sexto mês daquela que era considerada estéril, 37porque para Deus nada é impossível”.

38Maria, então, disse: “Eis aqui a serva do Senhor; faça-se em mim segundo a tua palavra!” E o anjo retirou-se.

— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor.

quarta-feira, 28 de dezembro de 2016

SANTO DO DIA - 28/12

28/12
Santos Inocentes
A origem desta festa é muito antiga. Aparece já no calendário cartaginês do século IV e cem anos mais tarde em Roma no Sacramentário Leonino. Hoje, com a nova reforma litúrgica, a celebração tem caráter jubiloso e não mais de luto como o era antigamente, e isto em sintonia com os simpáticos costumes medievais, que celebravam nesta circunstância a festa dos meninos do coro e do serviço do altar. Entre as curiosas manifestações temos aquela de fazer descer os cônegos dos seus lugares ao canto do versículo: "Depôs os poderosos do trono e exaltou os humildes".

A Igreja honra como mártires este coro de crianças, vítimas do terrível e sanguinário rei Herodes, arrancadas dos braços de suas mães em tenra idade para escrever com seu próprio sangue a primeira página do livro de ouro dos mártires cristãos e merecer a glória eterna segundo a promessa de Jesus: "Quem perder a vida por amor de mim a encontrará". Para eles a liturgia repete hoje as palavras do poeta Prudêncio: "Salve, ó flores dos mártires, que na alvorada do cristianismo fostes massacrados pelo perseguidor de Jesus, como um violento furacão arranca as rosas apenas desabrochadas. Vós fostes as primeiras vítimas, a tenra grei imolada, num mesmo altar recebestes a palma e a coroa".

O episódio é narrado somente pelo Evangelista Mateus, que se dirigia principalmente aos leitores judeus e, portanto tencionava demonstrar a messianidade de Jesus, no qual haviam se realizado as antigas profecias: "Então Herodes, percebendo-se enganado pelos magos, ficou muito irritado e mandou matar, em Belém e no seu território, todos os meninos de dois anos para baixo, conforme o tempo de que havia se certificado com os magos. Então cumpriu-se o que fora dito pelo profeta Jeremias:"Ouviu-se uma voz em Ramá, choro e grande lamentação: Raquel chora seus filhos, e não quer consolação, porque não existem mais".

A Igreja quis manter esta celebração, elevada ao grau de festa por São Pio V, muito próxima da festa do Natal, assim colocou as vítimas inocentes entre os companheiros de Cristo, para circundar o berço de Jesus Menino de um coro gracioso de crianças, vestidas com as cândidas vestes da inocência, pequena vanguarda do exército de mártires que testemunharão com o sangue sua pertença a Cristo.

LITURGIA DIÁRIA - 28/12/2016


Quarta-feira: 28/12/2016
Primeira Leitura: 1Jo 1,5–2,2


SANTOS INOCENTES, MÁRTIRES
(Vermelho - oficio do dia)

Leitura da Primeira Carta de São João.

5Caríssimos, a mensagem que ouvimos de Jesus Cristo e vos anunciamos é esta: Deus é luz e nele não há trevas. 6Se dissermos que estamos em comunhão com ele, mas andamos nas trevas, estamos mentindo e não nos guiamos pela verdade. 7Mas, se andamos na luz, como ele está na luz, então estamos em comunhão uns com os outros, e o sangue de seu Filho Jesus nos purifica de todo pecado.

8Se dissermos que não temos pecado estamo-nos enganando a nós mesmos, e a verdade não está dentro de nós. 9Se reconhecermos nossos pecados, então Deus se mostra fiel e justo, para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda culpa. 10Se dissermos que nunca pecamos, fazemos dele um mentiroso e sua palavra não está dentro de nós. 2,1Meus filhinhos, escrevo isto para que não pequeis. No entanto, se alguém pecar, temos junto do Pai um Defensor: Jesus Cristo, o Justo. 2Ele é a vítima de expiação pelos nossos pecados, e não só pelos nossos, mas também pelos pecados do mundo inteiro.

- Palavra do Senhor.
- Graças a Deus.


Responsório (Sl 123)

— Nossa alma como um pássaro escapou do laço que lhe armara o caçador.
— Nossa alma como um pássaro escapou do laço que lhe armara o caçador.

— Se o Senhor não estivesse ao nosso lado, quando os homens investiram contra nós, com certeza nos teriam devorado no furor de sua ira contra nós.

— Então as águas nos teriam submergido, a correnteza nos teria arrastado, e então, por sobre nós teriam passado essas águas sempre mais impetuosas.

— O laço arrebentou-se de repente, e assim nós conseguimos libertar-nos. O nosso auxílio está no nome do Senhor, do Senhor que fez o céu e fez a terra.


Evangelho (Mt 2,13-18)

— O Senhor esteja conosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Mateus.
— Glória a vós, Senhor.

13Depois que os magos partiram, o Anjo do Senhor apareceu em sonho a José e lhe disse: “Levanta-te, pega o menino e sua mãe e foge para o Egito! Fica lá até que eu te avise! Porque Herodes vai procurar o menino para matá-lo”. 14José levantou-se de noite, pegou o menino e sua mãe, e partiu para o Egito. 15Ali ficou até a morte de Herodes, para se cumprir o que o Senhor havia dito pelo profeta: “Do Egito chamei o meu Filho”. 16Quando Herodes percebeu que os magos o haviam enganado, ficou muito furioso. Mandou matar todos os meninos de Belém e de todo o território vizinho, de dois anos para baixo, exatamente conforme o tempo indicado pelos magos. 17Então se cumpriu o que foi dito pelo profeta Jeremias: 18“Ouviu-se um grito em Ramá, choro e grande lamento: é Raquel que chora seus filhos, e não quer ser consolada, porque eles não existem mais”.

— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor.

terça-feira, 27 de dezembro de 2016

LITURGIA DIÁRIA - 27/12/2016


Terça-feira: 27/12/2016
Primeira Leitura: 1Jo 1,1-4


SÃO JOÃO, APÓSTOLO E EVANGELISTA
(Branco - oficio do dia)


Leitura da Primeira Carta de São João.

1Caríssimos, o que era desde o princípio, o que nós ouvimos, o que vimos com os nossos olhos, o que contemplamos e as nossas mãos tocaram da Palavra da Vida, – 2de fato, a Vida manifestou-se e nós a vimos, e somos testemunhas, e a vós anunciamos a Vida eterna, que estava junto do Pai e que se tornou visível para nós – 3isso que vimos e ouvimos, nós vos anunciamos, para que estejais em comunhão conosco. E a nossa comunhão é com o Pai e com seu Filho, Jesus Cristo. 4Nós vos escrevemos estas coisas para que a nossa alegria fique completa.

- Palavra do Senhor.
- Graças a Deus.


Responsório (Sl 96)

— Ó justos, alegrai-vos no Senhor!
— Ó justos, alegrai-vos no Senhor!

— Deus é Rei! Exulte a terra de alegria, e as ilhas numerosas rejubilem! Treva e nuvem o rodeiam no seu trono, que se apoia na justiça e no direito.

— As montanhas se derretem como cera ante a face do Senhor de toda a terra; e assim proclama o céu sua justiça, todos os povos podem ver a sua glória.

— Uma luz já se levanta para os justos, e a alegria, para os retos corações. Homens justos, alegrai-vos no Senhor, celebrai e bendizei seu Santo nome!


Evangelho (Jo 20,2-8)

— O Senhor esteja conosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo João.
— Glória a vós, Senhor.

No primeiro dia da semana, 2Maria Madalena saiu correndo e foi encontrar Simão Pedro e o outro discípulo, aquele que Jesus amava, e lhes disse: “Tiraram o Senhor do túmulo, e não sabemos onde o colocaram”. 3Saíram, então, Pedro e o outro discípulo e foram ao túmulo. 4Os dois corriam juntos, mas o outro discípulo correu mais depressa que Pedro e chegou primeiro ao túmulo. 5Olhando para dentro, viu as faixas de linho no chão, mas não entrou. 6Chegou também Simão Pedro, que vinha correndo atrás, e entrou no túmulo. Viu as faixas de linho deitadas no chão 7e o pano que tinha estado sobre a cabeça de Jesus, não posto com as faixas, mas enrolado num lugar à parte. 8Então entrou também o outro discípulo, que tinha chegado primeiro ao túmulo. Ele viu e acreditou.

— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor.

segunda-feira, 26 de dezembro de 2016

LITURGIA DIÁRIA - 26/12/2016


Segunda-feira: 26/12/2016
Primeira Leitura: At 6,8-10; 7,54-59


SANTO ESTÊVÃO, O PRIMEIRO MÁRTIR
(Vermelho - oficio do dia)


Leitura dos Atos dos Apóstolos.

8Naqueles dias, Estêvão, cheio de graça e poder, fazia prodígios e grandes sinais entre o povo. 9Mas alguns membros da chamada Sinagoga dos Libertos, junto com cirenenses e alexandrinos, e alguns da Cilícia e da Ásia, começaram a discutir com Estêvão. 10Porém, não conseguiam resistir à sabedoria e ao Espírito com que ele falava.

7,54Ao ouvir essas palavras, eles ficaram enfurecidos e rangeram os dentes contra Estêvão. 55Estêvão, cheio do Espírito Santo, olhou para o céu e viu a glória de Deus e Jesus, de pé, à direita de Deus. 56E disse: “Estou vendo o céu aberto, e o Filho do Homem, de pé, à direita de Deus”. 57Mas eles, dando grandes gritos e, tapando os ouvidos, avançaram todos juntos contra Estêvão; 58arrastaram-no para fora da cidade e começaram a apedrejá-lo. As testemunhas deixaram suas vestes aos pés de um jovem, chamado Saulo. 59Enquanto o apedrejavam, Estêvão clamou dizendo: “Senhor Jesus, acolhe o meu espírito”.

- Palavra do Senhor.
- Graças a Deus.


Responsório (Sl 30)

— Em vossas mãos, Senhor, entrego o meu espírito.
— Em vossas mãos, Senhor, entrego o meu espírito.

— Sede uma rocha protetora para mim, um abrigo bem seguro que me salve! Sim, sois vós a minha rocha e fortaleza; por vossa honra orientai-me e conduzi-me!

— Em vossas mãos, Senhor, entrego o meu espírito, porque vós me salvareis, ó Deus fiel. Vosso amor me faz saltar de alegria, pois olhastes para as minhas aflições.

— Eu entrego em vossas mãos o meu destino; libertai-me do inimigo e do opressor! Mostrai serena a vossa face ao vosso servo, e salvai-me pela vossa compaixão!


Evangelho (Mt 10,17-22)

— O Senhor esteja conosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Mateus.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, disse Jesus aos seus apóstolos: 17“Cuidado com os homens, porque eles vos entregarão aos tribunais e vos açoitarão nas suas sinagogas. 18Vós sereis levados diante de governadores e reis, por minha causa, para dar testemunho diante deles e das nações. 19Quando vos entregarem, não fiqueis preocupados como falar ou o que dizer. Então naquele momento vos será indicado o que deveis dizer. 20Com efeito, não sereis vós que havereis de falar, mas sim o Espírito do vosso Pai é que falará através de vós. 21O irmão entregará à morte o próprio irmão; o pai entregará o filho; os filhos se levantarão contra seus pais, e os matarão. 22Vós sereis odiados por todos, por causa do meu nome. Mas quem perseverar até o fim, esse será salvo.

— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor.

SANTO DO DIA - 26/12

26/12

Santo Estevão
Estevão, como se lê nos Atos dos Apóstolos (cap.7), cheio de graça e de força. Era judeu da diáspora e morava em Jerusalem. Fazia parte dos sete diáconos que haviam sido encarregados pelos Apóstolos de assistirem os necessitados da comunidade (Atos 6,1-6).

A primeira comunidade cristã, para viver integralmente o preceito da caridade fraterna, pôs tudo em comum, repartindo diariamente o que era suficiente para o seu sustento. Com o crescimento da comunidade, os apóstolos confiaram o serviço da assistência diária a sete ministros da caridade, chamados diáconos. Entre eles sobressaía o jovem Estevão, que além de exercer as funções de administrador dos bens comuns, não renunciava ao anúncio da Boa Nova, e o fez com tanto zelo e com tamanho sucesso que os judeus "chegando de improviso, arrebataram-no e o levaram à presença do Sinédrio. Lá apresentaram falsas testemunhas que depuseram: "Este homem não cessa de falar contra o Lugar Santo e contra a Lei. Ouvimo-lo dizer que Jesus Nazareno destruiria este Lugar e modificaria as tradições que Moisés nos legou".

Como pretexto de sua autodefesa, aproveitou para iluminar as mentes de seus adversários. Primeiramente resumiu a história hebraica de Abraão até Salomão, em seguida afirmou não ter blasfemado nem contra Deus, nem contra Moisés, nem contra a Lei, nem contra o Templo. Demonstrou de fato que Deus se revelava também fora do Templo e se propunha a revelar a doutrina universal de Jesus como última manisfestação de Deus, mas os seus adversários não o deixaram prosseguir no discurso, porque "dando altos gritos, taparam os ouvidos, precipitaram-se sobre ele, levaram-no para fora da cidade e o apedrejaram."

Com os joelhos dobrados debaixo de uma chuva de pedras, o primeiro mártir cristão repetiu as mesmas palavras de perdão pronunciadas por Cristo sobre a cruz: "Senhor, não lhes imputes este pecado."

A descoberta de suas relíquias no ano 415, suscitou grande emoção na cristandade.

domingo, 25 de dezembro de 2016

Missa pela PAZ na Comunidade Recreio - Caicó/RN


A Comunidade Recreio tem a honra de convidar a todos para participar da santa missa da PAZ, que vai acontecer neste dia 31 de dezembro às onze horas da noite na Capela de São Sebastião, ao qual este ano foi acometido de vários acontecimentos dolorosos e inesperado, e que precisamos virar o ano juntos em orações.

Nesta noite, queremos celebrar o Deus da Vida e A Vida de cada um de nós que formamos a comunidade dos seguidores de Jesus. Iniciar o Ano Novo Mariano sob a proteção de Maria, Mãe de Deus, é sempre motivo de muita alegria.

Queremos pedir a Deus, Pai de Nosso Senhor Jesus Cristo, que nos conceda muitas graças para o próximo ano. Nesta noite, queremos renovar nossos desejos de Paz, embora ela nos pareça um dom, cada vez mais distante. Mas, a Paz é possível.

O Papa nos diz que a pessoa humana é o coração da paz. Mas, nossa fé em Jesus nos ajuda a não perder nunca a esperança. Por isso, carregamos nas mãos e no coração a Bandeira da Paz.

Iniciando Um Ano Novo, celebramos a Mãe de Deus e comemoramos o Dia Mundial da Paz com toda a Nação Cristã, refletindo o tema: “Família Humana: Comunidade de Paz”. Constatamos, porém, que a paz está cada vez mais difícil. Por isso, perguntamo-nos: o que temos feito para que ela se mostre mais presente na nossa família e na nossa comunidade?

Peçamos a Deus que perdoe os pequenos gestos de violência que foram praticados contra os que viveram conosco.

LITURGIA DIÁRIA - 25/12/2016


Domingo: 25/12/2016
Primeira Leitura: Is 52,7-10


NATAL DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO
(Branco - oficio do dia)

Leitura do Livro do Profeta Isaías:

7Como são belos, andando sobre os montes, os pés de quem anuncia e prega a paz, de quem anuncia o bem e prega a salvação, e diz a Sião: “Reina teu Deus!”

8Ouve-se a voz de teus vigias, eles levantam a voz, estão exultantes de alegria, sabem que verão com os próprios olhos o Senhor voltar a Sião.

9Alegrai-vos e exultai ao mesmo tempo, ó ruínas de Jerusalém, o Senhor consolou seu povo e resgatou Jerusalém.

10O Senhor desnudou seu santo braço aos olhos de todas as nações; todos os confins da terra hão de ver a salvação que vem do nosso Deus.

- Palavra do Senhor.
- Graças a Deus.


Responsório (Sl 97)

— Os confins do universo contemplaram a salvação do nosso Deus.
— Os confins do universo contemplaram a salvação do nosso Deus.
— Cantai ao Senhor Deus um canto novo,/ porque ele fez prodígios!/ Sua mão e o seu braço forte e santo/ alcançaram-lhe a vitória.

— O Senhor fez conhecer a salvação,/ e às nações, sua justiça;/ recordou o seu amor sempre fiel/ pela casa de Israel.

— Os confins do universo contemplaram/ a salvação do nosso Deus./ Aclamai o Senhor Deus, ó terra inteira,/ alegrai-vos e exultai!

— Cantai salmos ao Senhor ao som da harpa/ e da cítara suave!/ Aclamai, com os clarins e as trombetas,/ ao Senhor, o nosso Rei!


Segunda Leitura (Hb 1,1-6)

Leitura da Carta aos Hebreus:

1Muitas vezes e de muitos modos falou Deus outrora aos nossos pais, pelos profetas; 2nestes dias, que são os últimos, ele nos falou por meio do Filho, a quem ele constituiu herdeiro de todas as coisas e pelo qual também ele criou o universo.

3Este é o esplendor da glória do Pai, a expressão do seu ser. Ele sustenta o universo com o poder de sua palavra. Tendo feito a purificação dos pecados, ele sentou-se à direita da majestade divina, nas alturas. 4Ele foi colocado tanto acima dos anjos quanto o nome que ele herdou supera o nome deles.

5De fato, a qual dos anjos Deus disse alguma vez: “Tu és o meu Filho, eu hoje te gerei?” Ou ainda: “Eu serei para ele um Pai e ele será para mim um Filho?”

6Mas, quando faz entrar o Primogênito no mundo, Deus diz: “Todos os anjos devem adorá-lo!”

- Palavra do Senhor.
- Graças a Deus.


Evangelho (Jo 1,1-18)

— O Senhor esteja conosco.
— Ele está no meio de nós.
— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo + segundo João.
— Glória a vós, Senhor.

1No princípio era a Palavra, e a Palavra estava com Deus; e a Palavra era Deus. 2No princípio estava ela com Deus. 3Tudo foi feito por ela, e sem ela nada se fez de tudo que foi feito.

4Nela estava a vida, e a vida era a luz dos homens. 5E a luz brilha nas trevas, e as trevas não conseguiram dominá-la. 6Surgiu um homem enviado por Deus; seu nome era João. 7Ele veio como testemunha, para dar testemunho da luz, para que todos chegassem à fé por meio dele. 8Ele não era a luz, mas veio para dar testemunho da luz: 9daquele que era a luz de verdade, que, vindo ao mundo, ilumina todo ser humano.

10A Palavra estava no mundo — e o mundo foi feito por meio dela — mas o mundo não quis conhecê-la. 11Veio para o que era seu, e os seus não a acolheram.

12Mas, a todos que a receberam, deu-lhes capacidade de se tornarem filhos de Deus, isto é, aos que acreditam em seu nome, 13pois estes não nasceram do sangue nem da vontade da carne nem da vontade do varão, mas de Deus mesmo.

14E a Palavra se fez carne e habitou entre nós. E nós contemplamos a sua glória, glória que recebe do Pai como Filho unigênito, cheio de graça e de verdade. 15Dele, João dá testemunho, clamando: “Este é aquele de quem eu disse: O que vem depois de mim passou à minha frente, porque ele existia antes de mim”. 16De sua plenitude todos nós recebemos graça por graça. 17Pois por meio de Moisés foi dada a Lei, mas a graça e a verdade nos chegaram através de Jesus Cristo. 18A Deus, ninguém jamais viu. Mas o Unigênito de Deus, que está na intimidade do Pai, ele no-lo deu a conhecer.

— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor.

sábado, 24 de dezembro de 2016

LITURGIA DIÁRIA - 24/12/2016


Sábado: 24/12/2016
Primeira Leitura: 2Sm 7,1-5.8b-12.14a.16


PREPARAÇÃO PRÓXIMA DO NATAL
(Roxo - oficio do dia)

Leitura do Segundo Livro de Samuel.

1Tendo-se o rei Davi instalado já em sua casa e tendo-lhe o Senhor dado a paz, livrando-o de todos os seus inimigos, 2ele disse ao profeta Natã: “Vê: eu resido num palácio de Cedro, e a arca de Deus está alojada numa tenda!”

3Natã respondeu ao rei: “Vai e faze tudo o que diz o teu coração, pois o Senhor está contigo”. 4Mas naquela mesma noite, a palavra do Senhor foi dirigida a Natã nestes termos: 5“Vai dizer ao meu servo Davi: Assim fala o Senhor: Porventura és tu que me construirá uma casa para eu habitar? 8bFui eu que te tirei do pastoreio, do meio das ovelhas, para que fosses o chefe do meu povo, Israel. 9Estive contigo em toda a parte por onde andaste, e exterminei diante de ti todos os teus inimigos, fazendo o teu nome tão célebre quanto o dos homens mais famosos da terra.

10Vou preparar um lugar para o meu povo, Israel: eu o implantarei, de modo que possa morar lá sem jamais ser inquietado. Os homens violentos não tornarão a oprimi-lo como outrora, 11no tempo em que eu estabelecia juízes sobre o meu povo, Israel. Concedo-te uma vida tranquila, livrando-te de todos os teus inimigos.

E o Senhor te anuncia que te fará uma casa. 12Quando chegar o fim dos teus dias e repousares com teus pais, então, suscitarei, depois de ti, um filho teu, e confirmarei a sua realeza. 14aEu serei para ele um pai e ele será para mim um filho. 16Tua casa e teu reino serão estáveis para sempre diante de mim, e teu trono será firme para sempre”.

- Palavra do Senhor.
- Graças a Deus.


Responsório (Sl 88)

— Ó Senhor, eu cantarei eternamente o vosso amor!
— Ó Senhor, eu cantarei eternamente o vosso amor!

— Ó Senhor, eu cantarei eternamente o vosso amor, de geração em geração eu cantarei vossa verdade. Porque dissestes: “O amor é garantido para sempre”. E a vossa lealdade é tão firme quanto os céus.

— Eu firmei uma Aliança com meu servo, meu eleito, e eu fiz um juramento a Davi, meu servidor. Para sempre, no teu trono, firmarei tua linhagem, de geração em geração garantirei o teu reinado.

— Ele, então, me invocará: ‘Ó Senhor, vós sois meu Pai, sois meu Deus, sois meu Rochedo onde encontro a salvação!’ Guardarei eternamente para ele a minha graça e com ele firmarei minha Aliança indissolúvel.


Evangelho (Lc 1,67-79)

— O Senhor esteja conosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 67Zacarias, o pai de João, repleto do Espírito Santo, profetizou, dizendo: 68“Bendito seja o Senhor, Deus de Israel, porque visitou e redimiu o seu povo. 69Fez aparecer para nós uma força de salvação na casa de seu servo Davi, 70como tinha prometido desde outrora, pela boca de seus santos profetas, 71para nos salvar dos nossos inimigos e da mão de todos os que nos odeiam.

72Ele usou de misericórdia para com nossos pais, recordando-se de sua santa aliança 73e do juramento que fez a nosso pai Abraão, para conceder-nos, 74que, sem temor e libertos das mãos dos nossos inimigos, nós o sirvamos, 75com santidade e justiça, em sua presença, todos os nossos dias.

76E tu, Menino, serás chamado profeta do Altíssimo, pois irás adiante do Senhor para preparar-lhe os caminhos, 77anunciando ao seu povo a salvação, pelo perdão dos seus pecados. 78Graças à misericordiosa compaixão do nosso Deus, o sol que nasce do alto nos visitará, 79para iluminar os que jazem nas trevas e nas sombras da morte, e dirigir nossos passos no caminho da paz”.

— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor!



Leituras para a Santa Missa de Natal 


Sábado: 24/12/2016
Primeira Leitura (Is 9,1-6)
SANTA MISSA DO NATAL
(Branco - oficio do dia)

Leitura do Livro do Profeta Isaías:

1O povo, que andava na escuridão, viu uma grande luz; para os que habitavam nas sombras da morte, uma luz resplandeceu.

2Fizeste crescer a alegria e aumentaste a felicidade; todos se regozijam em tua presença, como alegres ceifeiros na colheita, ou como exaltados guerreiros ao dividirem os despojos.

3Pois o jugo que oprimia o povo, — a carga sobre os ombros, o orgulho dos fiscais — tu os abateste como na jornada de Madiã.

4Botas de tropa de assalto, trajes manchados de sangue, tudo será queimado e devorado pelas chamas.

5Porque nasceu para nós um menino, foi-nos dado um filho; ele traz aos ombros a marca da realeza; o nome que lhe foi dado é: Conselheiro admirável, Deus forte, Pai dos tempos futuros, Príncipe da paz.

6Grande será o seu reino e a paz não há de ter fim sobre o trono de Davi e sobre o seu reinado, que ele irá consolidar e confirmar em justiça e santidade, a partir de agora e para todo o sempre. O amor zeloso do Senhor dos exércitos há de realizar essas coisas.

- Palavra do Senhor.
- Graças a Deus.


Responsório (Sl 95)


— Hoje nasceu para nós o Salvador, que é Cristo, o Senhor.
— Hoje nasceu para nós o Salvador, que é Cristo, o Senhor.

— Cantai ao Senhor Deus um canto novo,/ cantai ao Senhor Deus, ó terra inteira!/ Cantai e bendizei seu santo nome!

— Dia após dia anunciai sua salvação,/ manifestai a sua glória entre as nações,/ e entre os povos do universo seus prodígios!

— O céu se rejubile e exulte a terra,/ aplauda o mar com o que vive em suas águas;/ os campos com seus frutos rejubilem/ e exultem as florestas e as matas

— na presença do Senhor, pois ele vem,/ porque vem para julgar a terra inteira./ Governará o mundo com justiça,/ e os povos julgará com lealdade.


Segunda Leitura (Tt 2,11-14)

Leitura da Carta de São Paulo a Tito:

Caríssimo: 11A graça de Deus se manifestou trazendo salvação para todos os homens. 12Ela nos ensina a abandonar a impiedade e as paixões mundanas e a viver neste mundo com equilíbrio, justiça e piedade, 13aguardando a feliz esperança e a manifestação da glória do nosso grande Deus e Salvador, Jesus Cristo.

14Ele se entregou por nós, para nos resgatar de toda maldade e purificar para si um povo que lhe pertença e que se dedique a praticar o bem.

- Palavra do Senhor.
- Graças a Deus.


Evangelho (Lc 2,1-14)

— O Senhor esteja conosco.
— Ele está no meio de nós.
— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.

1Aconteceu que, naqueles dias, César Augusto publicou um decreto, ordenando o recenseamento de toda a terra.

2Este primeiro recenseamento foi feito quando Quirino era governador da Síria.

3Todos iam registrar-se cada um na sua cidade natal.

4Por ser da família e descendência de Davi, José subiu da cidade de Nazaré, na Galileia, até a cidade de Davi, chamada Belém, na Judeia, 5para registrar-se com Maria, sua esposa, que estava grávida.

6Enquanto estavam em Belém, completaram-se os dias para o parto, 7e Maria deu à luz o seu filho primogênito. Ela o enfaixou e o colocou na manjedoura, pois não havia lugar para eles na hospedaria.

8Naquela região havia pastores que passavam a noite nos campos, tomando conta do seu rebanho.

9Um anjo do Senhor apareceu aos pastores, a glória do Senhor os envolveu em luz, e eles ficaram com muito medo. 10O anjo, porém, disse aos pastores: “Não tenhais medo! Eu vos anuncio uma grande alegria, que o será para todo o povo. 11Hoje, na cidade de Davi, nasceu para vós um Salvador, que é o Cristo Senhor. 12Isto vos servirá de sinal: Encontrareis um recém-nascido envolvido em faixas e deitado numa manjedoura”.

13E, de repente, juntou-se ao anjo uma multidão da corte celeste. Cantavam louvores a Deus, dizendo: 14“Glória a Deus no mais alto dos céus, e paz na terra aos homens por ele amados”.

— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor.

sexta-feira, 23 de dezembro de 2016

LITURGIA DIÁRIA - 23/12/2016


Sexta-feira: 23/12/2016
Primeira Leitura: Ml 3,1-4.23-24


PREPARAÇÃO PRÓXIMA DO NATAL
(Roxo - oficio do dia)


Leitura da Profecia de Malaquias.

Assim fala o Senhor Deus: 1“Eis que envio o meu anjo, e ele há de preparar o caminho para mim; logo chegará ao seu templo o Dominador, que tentais encontrar, e o anjo da aliança, que desejais.

Ei-lo que vem, diz o Senhor dos exércitos; 2e quem poderá fazer-lhe frente, no dia de sua chegada? E quem poderá resistir-lhe, quando ele aparecer? Ele é como o fogo da forja e como a barrela dos lavadeiros; 3e estará a postos, como para fazer derreter e purificar a prata: assim ele purificará os filhos de Levi e os refinará como ouro e como prata, e eles poderão assim fazer oferendas justas ao Senhor.

4Será então aceitável ao Senhor a oblação de Judá e de Jerusalém, como nos primeiros tempos e nos anos antigos. 23Eis que eu vos enviarei o profeta Elias, antes que venha o dia do Senhor, dia grande e terrível; 24o coração dos pais há de voltar-se para os filhos, e o coração dos filhos para seus pais, para que eu não intervenha, ferindo de maldição a vossa terra”.

- Palavra do Senhor.
- Graças a Deus.


Responsório (Sl 24)

— Levantai vossa cabeça e olhai, pois a vossa redenção se aproxima!
— Levantai vossa cabeça e olhai, pois a vossa redenção se aproxima!

— Mostrai-me, ó Senhor, vossos caminhos e fazei-me conhecer a vossa estrada! Vossa verdade me oriente e me conduza, porque sois o Deus da minha salvação!

— O Senhor é piedade e retidão, e reconduz ao bom caminho os pecadores. Ele dirige os humildes na justiça, e aos pobres ele ensina o seu caminho.

— Verdade e amor são os caminhos do Senhor para quem guarda sua Aliança e seus preceitos. O Senhor se torna íntimo aos que o temem e lhes dá a conhecer sua Aliança.

Evangelho (Lc 1,57-66)

— O Senhor esteja conosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.

57Completou-se o tempo da gravidez de Isabel, e ela deu à luz um filho. 58Os vizinhos e parentes ouviram dizer como o Senhor tinha sido misericordioso para com Isabel, e alegraram-se com ela. 59No oitavo dia foram circuncidar o menino, e queriam dar-lhe o nome de seu pai, Zacarias. 60A mãe porém disse: “Não! Ele vai chamar-se João”. 61Os outros disseram: “Não existe nenhum parente teu com esse nome!” 62Então fizeram sinais ao pai, perguntando como ele queria que o menino se chamasse.

63Zacarias pediu uma tabuinha, e escreveu: “João é o seu nome”. 64No mesmo instante, a boca de Zacarias se abriu, sua língua se soltou, e ele começou a louvar a Deus. 65Todos os vizinhos ficaram com medo, e a notícia espalhou-se por toda a região montanhosa da Judeia. 66E todos os que ouviam a notícia, ficavam pensando: “O que virá a ser este menino?” De fato, a mão do Senhor estava com ele.

— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor.

quinta-feira, 22 de dezembro de 2016

LITURGIA DIÁRIA - 22/12/2016


Quinta-feira: 22/12/2016
Primeira Leitura: 1Sm 1,24-28


PREPARAÇÃO PRÓXIMA DO NATAL
(Roxo - oficio do dia)


Leitura do Primeiro Livro de Samuel.

Naqueles dias, 24Ana, logo que o desmamou, levou consigo Samuel à casa do Senhor em Silo, e mais um novilho de três anos, três arrobas de farinha e um odre de vinho. O menino, porém, era ainda uma criança. 25Depois de sacrificarem o novilho, apresentaram o menino a Eli. 26E Ana disse-lhe: “Ouve, meu Senhor, por tua vida, eu sou a mulher que esteve aqui orando ao Senhor, na tua presença. 27Eis o menino por quem eu pedi, e o Senhor ouviu a minha súplica. 28Portanto, eu também o ofereço ao Senhor, a fim de que só a ele sirva em todos os dias de sua vida”. E adoraram o Senhor.

- Palavra do Senhor.
- Graças a Deus.


Responsório (1Sm 2,1-8)


— Meu coração exultou no meu Senhor, Salvador.
— Meu coração exultou no meu Senhor, Salvador.

— Exulta no Senhor meu coração, e se eleva a minha fronte no meu Deus; Minha boca desafia os meus rivais porque me alegro com a vossa salvação!

— O arco dos fortes foi dobrado, foi quebrado, mas os fracos se vestiram de vigor. Os saciados se empregaram por um pão, mas os pobres e os famintos se fartaram. Muitas vezes deu à luz a que era estéril, mas a mãe de muitos filhos definhou.

— É o Senhor quem dá a morte e dá a vida, faz descer à sepultura e faz voltar; é o Senhor quem faz o pobre e faz o rico, é o Senhor quem nos humilha e nos exalta.

— O Senhor ergue do pó o homem fraco, e do lixo ele retira o indigente, para fazê-los assentar-se com os nobres num lugar de muita honra e distinção.


Evangelho (Lc 1,46-56)

— O Senhor esteja conosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 46Maria disse: “A minha alma engrandece o Senhor, 47e o meu espírito se alegra em Deus, meu Salvador, 48porque olhou para a humildade de sua serva. Doravante todas as gerações me chamarão bem-aventurada, 49porque o Todo-poderoso fez grandes coisas em meu favor. O seu nome é santo, 50e sua misericórdia se estende, de geração em geração, a todos os que o temem.

51Ele mostrou a força de seu braço: dispersou os soberbos de coração. 52Derrubou do trono os poderosos e elevou os humildes. 53Encheu de bens os famintos, e despediu os ricos de mãos vazias. 54Socorreu Israel, seu servo, lembrando-se de sua misericórdia, 55conforme prometera aos nossos pais, em favor de Abraão e de sua descendência, para sempre”. 56Maria ficou três meses com Isabel; depois voltou para casa.

— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor.

quarta-feira, 21 de dezembro de 2016

PROGRAMAÇÃO EXTRA OFICIAL DA FESTA DE SÃO SEBASTIÃO NO BAIRRO RECREIO - CAICÓ / RN

DIOCESE DE CAICÓ
PARÓQUIA DE NOSSA SENHORA DE FÁTIMA


Festa de São Sebastião 2017

CONVITE

Neste ano em que a Igreja celebra o Ano Mariano a Comunidade do Conjunto Recreio tem a alegria de convidar todos os Caicoenses e visitantes para participarem da Festa de seu Padroeiro, “São Sebastião", que será realizada de 26 a 29 de Janeiro de 2017.

Tema: “Dogmas Marianos”
Lema: Aumente em nós a devoção e a alegria de “Fazer tudo o que Ele vos disser” (Jo. 2,5)


PROGRAMAÇÃO RELIGIOSA

DE 02 A 25/01- Encontros Missionários em Preparação para a Festa nas Residências.


TRÍDUO SOLENE


DIA 26/01 - QUINTA-FEIRA

18:30h - Procissão de Abertura saindo da casa de Dona Francisca de Seu Severino na Rua Clóvis Aladim - nº 31, ao lado do trailer de Josinaldo, de frente ao antigo posto Policial em direção à Capela de São Sebastião
19h – Hasteamento da Bandeira seguido de Missa/Novena e Confissão Comunitária
NOITÁRIOS: Vicentinos, Terço dos Homens, Associações e Pastorais
TEMA: Maternidade Divina (Lc 1, 26-32) Referência: Dogmas Marianos 4ª ED, Pág.13-20
CELEBRANTE: Pe. Ivanoff da Costa Pereira


Dia 27/01– SEXTA-FEIRA

19h – 2ª Novena e Bênção do Santíssimo Sacramento
Noitários: Educação, Saúde e Mototaxistas
Tema: Virgindade perpétua de Maria (Mt 1, 18-25) Referência: Dogmas Marianos 4ª ED, Pág.21-31
Celebrante: Diác. Manoel Cassiano Figueirêdo Rocha


DIA 28/01 – SÁBADO


19h – 3ª Novena e Bênção do Santíssimo Sacramento
Noitários: Comercio, Comerciários e Devotos de São Sebastião
Tema: Imaculada Conceição (Lc 1, 34-38) Referência: Dogmas Marianos 4ª ED, Pág.33-41
Celebrante: Diác. Clésio Ricardo de Brito


DIA 29/01 – DOMINGO

08h – Missa Solene seguida de procissão de encerramento, descida da bandeira e palavras de agradecimentos.
Celebrante: D. Antônio Carlos Cruz Santos – MSC (Bispo Diocesano)
10h - Batizados


PARTE SOCIAL ( ainda a definir as animações e a cavalgada)

Dia 26/01 – QUINTA-FEIRA
20h30min – FESTA DOS DOCES E SALGADOS
Responsável: Vicentinos


Dia 27/01 – SEXTA-FEIRA
20h30min – Leilão da Festa
Animação: 
Responsável: Comissão Organizadora


Dia 28/01 – SÁBADO

20h30min – Jantar de Confraternização
Animação: 
Responsável: Coral e Comissão Organizadora


Dia 29/01 – DOMINGO

10h – Cavalgada de São Sebastião (Saindo ......)
16h - Feirinha de São Sebastião
Animação: 
Responsável: Ricardo


NOTAS

Teremos Rifa ao preço de R$ 2,00 e sorteio no dia 28/01/17
Premiação: Carneiro, Liquidificador, Conjunto de Toalhas, kit Natura e 02(dois) Brindes Surpresas.
Senhas do Jantar ao preço de R$ 10,00


Diácono Aerinylson Moreira da Nóbrega & Comissão Organizadora
Coordenação da Festa

Pe. Ivanoff da Costa Pereira
Pároco


PATROCINADORES

Rádio Rural AM/FM

Supermercado São Francisco – Organização: Manoel e Michele


LITURGIA DIÁRIA - 21/12/2016


Quarta-feira: 21/12/2016
Primeira Leitura: Ct 2,8-14


PREPARAÇÃO PRÓXIMA DO NATAL
(Roxo - oficio do dia)

Leitura do Livro do Cântico dos Cânticos.

8É a voz do meu amado! Eis que ele vem saltando pelos montes, pulando sobre as colinas. 9O meu amado parece uma gazela, ou um cervo ainda novo. Eis que ele está de pé atrás de nossa parede, espiando pelas janelas, observando através das grades. 10O meu amado me fala dizendo: “Levanta-te, minha amada, minha rola, formosa minha, e vem! 11O inverno já passou, as chuvas pararam e já se foram. 12No campo aparecem as flores, chegou o tempo das canções, a rola já faz ouvir seu canto em nossa terra. 13Da figueira brotam os primeiros frutos, soltam perfume as vinhas em flor. Levanta-te, minha amada, formosa minha, e vem! 14Minha rola, que moras nas fendas da rocha, no esconderijo escarpado, mostra-me teu rosto, deixa-me ouvir tua voz! Pois a tua voz é tão doce, e gracioso o teu semblante”.

— Palavra do Senhor.
— Graças a Deus.


Ou (escolhe-se uma das leituras)


Primeira Leitura (Sf 3,14-18a)

Leitura da Profecia de Sofonias.

14Canta de alegria, cidade de Sião; rejubila, povo de Israel! Alegra-te e exulta de todo o coração, cidade de Jerusalém! 15O Senhor revogou a sentença contra ti, afastou teus inimigos; o rei de Israel é o Senhor, ele está no meio de ti, nunca mais temerás o mal. 16Naquele dia se dirá a Jerusalém: “Não temas, Sião, não te deixes levar pelo desânimo! 17O Senhor teu Deus está no meio de ti, o valente guerreiro que te salva; ele exultará de alegria por ti, movido por amor; exultará por ti, entre louvores 18acomo nos dias de festa”.

- Palavra do Senhor.
- Graças a Deus.


Responsório (Sl 32)

— Ó justos, alegrai-vos no Senhor! Cantai para o Senhor um canto novo!
— Ó justos, alegrai-vos no Senhor! Cantai para o Senhor um canto novo!

— Dai graças ao Senhor ao som da harpa, na lira de dez cordas celebrai-o! Cantai para o Senhor um canto novo, com arte sustentai a louvação!

— Mas os desígnios do Senhor são para sempre, e os pensamentos que ele traz no coração, de geração em geração, vão perdurar. Feliz o povo cujo Deus é o Senhor, e a nação que escolheu por sua herança.

— No Senhor nós esperamos confiantes, porque ele é nosso auxílio e proteção! Por isso o nosso coração se alegra nele, seu santo nome é nossa única esperança.

Evangelho (Lc 1,39-45)

— O Senhor esteja conosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.

39Naqueles dias, Maria partiu para a região montanhosa, dirigindo-se, apressadamente, a uma cidade da Judeia. 40Entrou na casa de Zacarias e cumprimentou Isabel. 41Quando Isabel ouviu a saudação de Maria, a criança pulou no seu ventre e Isabel ficou cheia do Espírito Santo. 42Com um grande grito, exclamou: “Bendita és tu entre as mulheres e bendito é o fruto do teu ventre!” 43Como posso merecer que a mãe do meu Senhor me venha visitar? 44Logo que a tua saudação chegou aos meus ouvidos, a criança pulou de alegria no meu ventre. 45“Bem-aventurada aquela que acreditou, porque será cumprido o que o Senhor lhe prometeu”.

— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor.

terça-feira, 20 de dezembro de 2016

Campanha mundial de Oração – “O ROSÁRIO ENTRE O CÉU E A TERRA”



“O ROSÁRIO ENTRE O CÉU E A TERRA”
– Campanha mundial de Oração –
(Campanha no âmbito da Comemoração do Centenário das Aparições de Nossa Senhora, em Fátima, até 13 de outubro de 2017)

CATÓLICOS DE TODO O MUNDO, MAS TAMBÉM CRISTÃOS DE OUTROS CREDOS COM DEVOÇÃO A MARIA, MÃE DE JESUS E NOSSA MÃE, DIVULGUEMOS CADA VEZ MAIS INTENSAMENTE ESTA CAMPANHA DE ORAÇÃO UNIVERSAL DO SANTO ROSÁRIO, na Comunhão dos Santos, PELO MENOS ATÉ AO FINAL DO CENTENÁRIO DAS APARIÇÕES DE NOSSA SENHORA, EM FÁTIMA, QUE CULMINARÁ NO DIA 13 DE OUTUBRO DE 2017. URGE REZAR SEM CESSAR E COM TODA A CONFIANÇA.
PELA RECITAÇÃO DIÁRIA DO ROSÁRIO, digamos sempre: “ATRAVÉS DO CORAÇÃO IMACULADO DE MARIA UNIDO AO SANTÍSSIMO CORAÇÃO DE JESUS, na comunhão de todos os Anjos e Santos”, rogamos a DEUS a graça do
ARREPENDIMENTO MUNDIAL

E SE CUMPRAM, SEM IMPEDIMENTOS DOS HOMENS, OS DESÍGNIOS DE DEUS NO CONTEXTO DA MENSAGEM DE FÁTIMA, E SE REALIZE O TRIUNFO DO IMACULADO CORAÇÃO DE MARIA: “Por fim, o Meu Imaculado Coração Triunfará” (disse Nossa Senhora),

SUPLICANDO também:
• A PAZ PARA O MUNDO;
• Que cessem as perseguições aos cristãos e todo o tipo de perseguição religiosa;
• A unidade da Igreja e a unidade dos cristãos;
• A RENOVAÇÃO DO MUNDO: PARA QUE VENHAM OS NOVOS CÉUS E A NOVA TERRA (Apocalipse 21,1).(“A criação será libertada para participar na gloriosa liberdade dos filhos de Deus”- antífona 2 das laudes do III dom. da Páscoa).
São graças que vêm de Deus mas que nos compete a nós, homens, pedir ao Senhor. Mas sempre, sempre, sempre, por Maria. Felizes aqueles que aceitam esta verdade e a vivem de todo o coração. FELIZES OS HUMILDES QUE NÃO PERGUNTAM PORQUÊ MAS ACEITAM CORRESPONDER A ESTE PEDIDO, PORQUE SABEM QUE DEUS TUDO PODE E QUE PELA ORAÇÃO SE PODEM MUDAR OS CORAÇÕES DOS HOMENS E OS ACONTECIMENTOS DO MUNDO.
Correspondamos à nossa Mãe, Rainha e Vencedora, com esta CAMPANHA DO “ROSÁRIO ENTRE O CÉU E A TERRA” para a qual convidamos os Anjos e Santos do Céu, as Benditas Almas do Purgatório, todos os homens, mulheres, jovens e crianças de boa vontade que vivem sobre a Terra. Tudo por Jesus, em Maria, para honra e glória de Deus Pai, no Espírito Divino que nos consola e mantém viva a nossa fé até à Eternidade.
POR FAVOR, DIVULGUE-SE EM TODO O MUNDO PARA QUE SE CUMPRA A SANTÍSSIMA VONTADE DE DEUS, pois não temos que agradar ao mundo mas ao Senhor. (Rom 12,2)
NOTA: As pessoas que, por motivo de doença, trabalho, por terem filhos pequenos (…), não puderem rezar o Rosário diariamente, podem colaborar nesta campanha oferecendo os seus trabalhos, os seus sofrimentos(…),pela mesma intenção, sempre oferecendo ao Senhor através do Imaculado Coração de Maria unido ao Santíssimo Coração de Jesus. Deus pode tudo mas também não prescinde da nossa colaboração humana.
– um discípulo de Maria