segunda-feira, 13 de janeiro de 2014

Papa pede que nenhum idoso seja 'exilado'

O Papa Francisco utilizou nesse sábado a rede social Twitter para renovar os seus apelos em favor da integração dos idosos no seio das famílias.” “Não deveria haver nenhum idoso «exilado» nas nossas famílias. Os idosos são um tesouro para a sociedade”, escreve, na sua conta ‘@pontifex’, com mais de 11 milhões de seguidores em nove línguas, incluindo o português.
Na sexta-feira, o Papa tinha recordado a celebração de Natal: “Detenhamo-nos diante do Menino de Belém. Deixemos que a ternura de Deus aqueça o nosso coração”. “Contemplemos a humildade do Filho de Deus, que nasceu pobre. Imitemo-lo na partilha com as pessoas mais frágeis”, pedia Francisco, na sua mensagem anterior.
Antes, o Papa tinha recorrido ao Twitter para repetir uma ideia deixada na celebração do Natal: “Deixemos um lugar vazio na mesa, um lugar para quem não tem o necessário, para quem ficou sozinho”. No último dia 29 de dezembro, Francisco alertou, durante um encontro para a recitação da oração do ângelus, para a situação dos que denominou como “exilados escondidos” que existem dentro das próprias famílias. “Os idosos, por exemplo, que muitas vezes são tratados como presenças incómodas. Penso que um sinal para saber como está uma família é observar como são tratados crianças e idosos”, disse.
SIR