quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015

SANTO DO DIA - 05/02

05/02
Santa Águeda
(virgem)
Águeda é uma das santas mais populares da Itália e uma das 3 famosas santas virgens da ilha da Sicília, ao lado de Sta. Luzia e de Sta. Rosália, patronas, respectivamente, das cidades de Catânia, Siracusa e Palermo. O martírio de Águeda se deu no dia 5 de fevereiro de 251, durante a perseguição de Décio. Infeslimente os autos de sua paixão só foram redigidos depois de 200 anos da sua morte, mais parecem conter elementos históricos que foram amalgamados com lendas.

Águeda, cujo nome é de origem grega e significa ótima, era natural da cidade de Catânia, na Sicília, e pertencia a uma antiga e nobre família. Ainda muito jovem faz voto de virgindade, consagrando-se inteiramente ao serviço de Deus. Quando saiu o edito de Décio contra os cristõas, um certo Quinciano, sabendo que a jovem era cristã, conseguiu a ordem de prendê-la e confiá-la a uma mulher de má reputação para corrompê-la. Águeda não se deixou vencer, alcançando forças na oração para resistir. Quinciano, vendo que esta tentativa era inútil, fê-la comparecer perante o tribunal. "De que condição sois?", pergunta o juiz. "sou livre e nobre de nascimento".

"Se és livre e nobre, por que levas vida de escrava?" "Eu sou serva de Cristo e por Cristo sou de condição servil". "Se fosses livre e nobre não te humilharias até tomar o título de escrava". "A suprema nobreza consiste em ser escravos de Cristo". São frases tiradas dos autos do seu interrogatórios. foi novamente perante o juiz. O magistrado decidiu torturá-la. Foi estendida sobre o cavalete e flagelada. Num ímpeto de fúria o juiz ordenou arrancar-lhe os seios. "Cruel tirano, exclamou, não te envergonhas de mutilar assim uma mulher naquilo que tu menino sugaste?" Novamente torturada, finalmente entregou o espírito a Deus.

Santa Águeda é representada com um prato na mão no qual estão os seus seios. É invocada principalmente contra as periódicas erupções do Etna, o Vulcão que se ergue perto da cidade de Catânia.