domingo, 15 de março de 2015

SANTO DO DIA - 15/03

15/03

São Clemente Maria Hofbauer

Hoje estamos celebramos a vida de São Clemente que nasceu na Áustria em 1751. De família muito pobre ao perder o pai ouviu com seus irmão de sua santa mãe: "Meu filho, de hoje em diante é este teu Pai; procura andar sempre no caminho que lhe é agradável". Todas as palavras da mãe foram tão férteis no coração de Clemente em tudo e em todo lugar buscou ser exemplo de quem ama. Depois de muito trabalho e sofrimento fez filosofia, teologia e foi ordenado como padre missionário dos Redentoristas. São Clemente Maria como sacerdote foi para a Alemanha e na região toda evangelizou com tanto ardor que sua igreja tornou-se centro e fonte de vida espiritual, já que as confissões aumentavam e muitos se convertiam. Muito confiante na Divina Providência construiu convento, asilo ao ponto de provocar provocações do inimigos que chegaram a fechar casas do religioso com os seus irmãos de missão, mas não fecharam o coração deste Santo que socorreu a muitos e foi o principal responsável pela renovação também da Áustria. São Clemente Maria grande pregador e confessor morreu com 70 de idade e no céu está.

São Longino

São Longino (do latim Longinus) ou Longuinho, como é popularmente conhecido, é um santo da Igreja Católica. Viveu no século primeiro, tendo sido contemporâneo de Jesus Cristo e, acredita-se, que tenha sido o centurião na crucificação, que reconheceu Cristo como "o filho de Deus" (Mateus 27:54; Marcos 15:39; Lucas 23:47).

Em virtude dos pouquíssimos relatos existentes sobre a vida desse santo, também pode ser encontrado como tendo sido o soldado que "perfurou Jesus com uma lança" (João 19:34), provavelmente pelo fato do nome ser derivado do grego e significar "uma lança".

De acordo com relatos dos Evangelhos, em razão de ao por do sol iniciar-se o Shabat, para que os corpos dos condenados não profanassem o dia santo, suas pernas deveriam ser quebradas para apressar a morte. Chegando a Jesus, viram que já estava morto, então um dos soldados, no lugar de quebrar seus pés, perfurou o corpo de Jesus com uma lança, como forma de certificação do óbito. O líquido saído de Jesus teria respingado em seus olhos, curando-o instantaneamente de uma grave doença ocular. Assim o soldado se converteu e abandonou o exército, transformou-se num monge a percorrer a Cesarea e a Capadócia, atual Turquia.

São Longino foi preso e torturado por causa de sua fé cristã, teve seus dentes arrancados e sua língua cortada.

Na tradição popular é invocado para encontrar objetos perdidos. Sua festa é comemorada no Leste Europeu em 16 de Outubro. No Brasil e Espanha, a comemoração ocorre no dia 15 de Março.

Na arte litúrgica, São Longino tem sua figura representada por um soldado com uma lança apontada para os olhos ou ainda com os braços abertos, segurando uma lança. Uma relíquia religiosa que se encontra em Viena, na Áustria, é reverenciada como sendo a lança de São Longino.

No Brasil

Há uma crença popular no Brasil, de que São Longuinho acha objetos perdidos. É só repetir:

São Longuinho, São Longuinho, se eu achar (nome do objeto perdido) dou três pulinhos e três gritinhos (Achei, São Longuinho. Achei, São Longuinho. Achei, São Longuinho.)

Quando a pessoa encontra o objeto precisa cumprir a promessa em devoção ao santo:

Oração a São Longuinho, o santo dos achados.

Lembrai-vos oh são longuinho, prodigiosamente tocado pela graça de Jesus agonizante em sua ultima hora que nunca se ouviu dizer que algum daqueles que recorrem a vossa proteção, fosse por vós desamparados. Assim, dignai-vos interpor em meu favor, vossa valiosa intercessão perante a DEUS, para que conceda viver e morrer como verdadeira cristã e ainda me auxilie a encontrar. (dizer o nome da pessoa ou objeto desaparecido e rezar um pai nosso, uma ave Maria e fazer o sinal da cruz). Amém.