quarta-feira, 1 de fevereiro de 2017

NOSSA SENHORA DISSE na Visão Extraordinária da Santa Missa por Catalina Rivas, QUE SEMPRE ESTARIA, ONDE ESTIVESSE JESUS.


Testemunho de Catalina Rivas na Santa Missa

Então eu A vi. Ali justamente à direita do senhor Arcebispo... um passo atrás do celebrante, ESTAVA UM POUCO SUSPENSA ACIMA DO SOLO, AJOELHADA SOBRE TECIDOS MUITO FINOS, TRANSPARENTES, MAS LUMINOSOS, COMO ÁGUA CRISTALINA, a Santíssima Virgem, com as mãos unidas, olhando atenta e respeitosamente para o celebrante. Falava-me dali, mas silenciosamente, diretamente ao coração, sem olhar para mim.

"Chama a tua atenção o fato de Me ver um pouco atrás do Monsenhor, não é verdade? Assim deve ser... Com todo o amor que Me tem o Meu Filho, não me deu a dignidade que dá a um sacerdote de poder trazê-Lo em Minhas mãos diariamente, como o fazem as mãos sacerdotais. Por isso sinto tão profundo respeito por um sacerdote e por todo o milagre que Deus realiza através dele, que Me obriga a ajoelhar-Me aqui."

Deus meu, quanta dignidade, quanta graça derrama o Senhor sobre as almas sacerdotais e nem nós, talvez nem muitos deles estejam conscientes disso!

Diante do altar, começaram a sair umas sombras de pessoas de cor cinza que levantavam as mãos para cima. Disse a Virgem Santíssima: "São as almas benditas do Purgatório que estão à espera das vossas orações para se refrescarem. Não deixeis de rezar por elas. Pedem por vós, mas não podem pedir por elas mesmas, sois vós quem deveis pedir por elas para ajudá-las a sair para encontrarem-se com Deus e Dele gozar eternamente".

"VÊ, AQUI ESTOU O TEMPO TODO... As pessoas fazem peregrinações e procuram os lugares de Minhas aparições, e é bom por todas as graças que ali recebem, mas em nenhuma aparição, EM NENHUM LUGAR ESTOU MAIS TEMPO PRESENTE DO QUE NA SANTA MISSA. Ao pé do Altar onde se celebra a Eucaristia, SEMPRE IREIS ENCONTRAR-ME; AO PÉ DO SACRÁRIO permaneço com os Anjos, PORQUE ESTOU SEMPRE COM ELE".
Leia na integra esta visão aqui